Prefeitura Municipal de Mineiros - 18/01/2019
PREFEITO AGENOR REZENDE DESTACA IMPORTÂNCIA DO RETORNO À CAPACIDADE TOTAL DE OPERAÇÃO POR PARTE DA UNIDADE DA MARFRIG GLOBAL FOODS, EM MINEIROS
Publicado por: Valdeir

LOADING IMAGES

Empresa retoma 100% das atividades já nestes primeiros dias de janeiro após recuperação da estrutura que foi atingida por incêndio ocorrido no feriado de 12 de outubro de 2018. Unidade emprega 1 mil colaboradores no município. “Estamos muito felizes com a informação que tem reflexos diretos na nossa economia”, diz o prefeito

O prefeito Agenor Rezende destaca a boa notícia desta semana: a unidade da Marfrig Global Foods, em Mineiros, volta a operar com capacidade total já nestes primeiros dias de janeiro. A informação foi divulgada pela própria empresa e ocorrerá depois da recuperação da estrutura que foi atingida por incêndio de médias proporções ocorrido no feriado de 12 de outubro de 2018. “Estamos muito felizes com a informação que tem reflexos diretos na nossa economia, beneficiando toda a cadeia produtiva e mantendo empregos essenciais”, afirma o prefeito.

A informação foi veiculada pelo jornal O Popular esta semana. De acordo com a reportagem, são 1 mil colaboradores empregados em Mineiros. Por conta dos danos causados pelo incêndio, as atividades que os trabalhadores desenvolviam foram temporariamente paralisadas e parte da produção teve de ser desviada para outras unidades da companhia, informa a publicação.

A Marfrig Global Foods é uma das líderes em carne bovina no mundo. A unidade de Mineiros responde por cerca de 4,5% da capacidade total de abate em nível internacional. Em operação, na planta são abatidos cerca de mil animais por dia. De acordo com o secretário de Governo e Comunicação, Aleomar Rezende, a volta de 100% das atividades da Marfrig Global Foods “representa muito para Mineiros e região, na medida em que incrementa o processo produtivo local, gera novas oportunidades de negócios e de trabalho”.

De acordo com a reportagem do jornal O Popular, durante a paralisação por conta do incêndio, a Marfrig optou por aderir ao Programa Bolsa Qualificação Profissional, com suspensão temporária dos contratos de trabalho com o objetivo de manter os empregos dos colaboradores, que agora voltam para seus postos.

Os colaboradores receberam salários com teto máximo estabelecido pelo programa durante o lay off. A companhia manteve pagamento de vale alimentação, prêmio produção e subsidiou o curso de qualificação por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Nacional (Senai), informa O Popular.

Prefeitura de Mineiros - Mais progresso, novas conquistas.

Autor: Deusmar