Prefeitura Municipal de Mineiros - 26/10/2018
NOTA DE ESCLARECIMENTO
Publicado por: Valdeir

LOADING IMAGES

A propósito de críticas à Prefeitura de Mineiros por parte de Letícia Carrijo, em sua conta pessoal no Facebook, oportunidade em que acusa a Secretaria Municipal de Saúde de omissão no caso de hospedagem de três familiares na Casa de Apoio ao Mineirense, em Goiânia, para acompanhar tratamento médico do paciente Vinícius Carrijo, esclarecemos o que se segue:

Segundo apurado, o citado paciente, cidadão de Mineiros, mudou-se, juntamente com sua família, para Goiânia/GO, em meados de 2017, com o objetivo de buscar tratamento em rede hospitalar privada, via convênio do IPASGO.

Recentemente, após um longo período de tratamento na capital, a aludida família contatou, via telefone, a coordenação da Casa de Apoio ao Mineirense, aduzindo que o paciente encontra-se acamado e internado em UTI e que, devido a dificuldades, necessitavam de estadia para três pessoas. Na ocasião, a direção da Casa respondeu que, pela limitação de acomodações da Casa de Apoio, e em conformidade com o Regulamento Interno, é possível acolher, simultaneamente, no máximo dois acompanhantes por paciente, nesse caso com revezamento quando há internação em unidade hospitalar, sob pena de comprometer as vagas destinadas aos demais cidadãos mineirenses em tratamento na capital.

 Posteriormente, Letícia Carrijo, por intermédio do aplicativo WhatsApp, entrou em contato com a Secretária Rosângela Rezende, solicitando a intervenção no imbróglio, ao que foi orientada, pelo mesmo meio de comunicação, a procurar a assistente social da Casa de Apoio, para tentar resolver o impasse.

 A partir de então, sem seguir a orientação, Letícia passou a lançar publicações nas redes sociais (Facebook), criticando sistematicamente o Poder Público de Mineiros para com o paciente, uma vez que os servidores da Casa de Apoio, assim como a Secretária de Saúde, não acolheram o pedido dos familiares, e que não obtiveram nenhum auxílio da Prefeitura durante o período de tratamento em Goiânia. Momentos depois, muitos comentários depreciativos da gestão foram compartilhados.

 Percebe-se, pois, que, independentemente da questão do vínculo domiciliar da família com o Município de Mineiros, em momento algum houve negativa de atendimento ao caso por parte do Poder Público Municipal, mesmo diante de pedidos não formalizados diretamente na Secretaria Municipal de Saúde, de acordo com as diretrizes do SUS. Ao contrário, foram disponibilizadas, de imediato, duas vagas para acompanhantes na Casa de Apoio, o que inclui hospedagem, alimentação e transporte na capital, às expensas da municipalidade. Caso resolvam retornar para Mineiros, todo o aparato da rede pública local também será disponibilizado.

 Ademais, recebemos a informação de que a família tinha conhecimento dos programas da rede pública de saúde de Mineiros, tal qual o Programa Melhor em Casa, que engloba tratamento multidisciplinar na residência de pacientes em situação semelhante e, ainda assim, optou por mudar seu domicílio para Goiânia, onde o paciente vem recebendo atendimento na rede privada conveniada ao IPASGO. Até então, em momento algum fora solicitado suporte ou a intervenção da Secretaria de Saúde de Mineiros.

 

Obviamente que, a despeito da liberdade de expressão, a divulgação de fatos de forma distorcida, sem explicar a questão como um todo, demonstra conotação única de denegrir a imagem da Administração e de seus gestores, que sempre procuram conduzir os eventos de forma ética e humana, porém sem preterir os princípios administrativos e as normas do SUS. 

Prontificamos-nos, mais uma vez, em atender e contribuir com Casa de Apoio ao Mineirense, em Goiânia, que sempre esteve e continuará à disposição dos moradores de nossa cidade que precisam recorrer à capital em busca de tratamento de saúde. A estrutura com hospedagem, alimentação e transporte interno permanece aberta para a família do paciente Vinícius Carrijo.Oferecemos, também, todo apoio da Rede SUS ao cuidado do Vinícius, em especial através do Programa Melhor em Casa, em Mineiros, que pode oferecer cuidados de equipe multidisciplinar – composta por médico, enfermeiro, dentista, psicólogo, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, farmacêutico, nutricionista, terapeuta ocupacional e técnicos – equipamentos, aparelhos, medicamentos, nutrição, fraldas, ou mesmo no SUS, em Goiânia. Salientamos, também, que a assistência social do município trabalha para proporcionar melhor qualidade de vida da família nesses casos. Portanto, orientamos que a família do Vinícius Carrijo conduza suas solicitações dentro da legalidade, bom senso e das normas do SUS para fazer o melhor para o mesmo e todos.

 

Mineiros, 26 de outubro de 2018.

 

Prefeitura Municipal de Mineiros

Secretaria Municipal de Saúde


Departamento Jurídico: (64) 3661-0037

Ouvidoria SUS: 136 ou 3661-0088

Coordenação do Programa Melhor em Casa: (64) 3661-0301

Assistência Social da Casa de Apoio ao Mineirense: (62) 3224-4884

Autor: Mônica de Carvalho